Skip to content

Exercício para Ver a Aura Humana

July 8, 2011
Se você, por exemplo, se achar num grupo de pessoas, faça-as formarem um círculo dando-se as mãos. Deixe que a energia do campo áurico dessas pessoas flua em torno do círculo. Sinta-o pulsar por algum tempo. Para que lado vai ele? Verifique para que lado ele vai no entender do seu vizinho imediato. As opiniões de vocês são correlatas?
Agora, sem mudar coisa alguma, ou sem mover as mãos, interrompa o fluxo de energia. Mantenha-o assim por algum tempo (todos ao mesmo tempo) e, em seguida, deixe-o fluir novamente. Tente de novo. Sente a diferença? Que é o que mais lhe agrada? Agora faça o mesmo com um parceiro. Sente-se defronte dele e toquem as palmas das mãos um do outro. Deixe fluir a energia naturalmente. Para que lado ela vai? Mande energia da palma da mão esquerda; a seguir, permita que ela volte e entre na palma da mão direita. Inverta o processo. Agora detenha o fluxo.
Em seguida tente empurrá-lo para fora das duas mãos ao mesmo tempo. Empurrar, puxar e parar são três modos básicos de manipular a energia na cura. Pratique bastante.
Feito isso, deixe caírem as mãos; mantenha as palmas a uma distância de cerca de 5 a 15 cm uma da outra; lentamente, movimente as mãos para trás e para a frente, diminuindo e aumentando o espaço entre elas. Construa qualquer coisa entre as mãos. Pode senti-lo? O que lhe parece que é? Agora, separe ainda mais as mãos uma da outra, coisa de 20 a 25 cm. 
A seguir, devagarzinho, junte-as de novo até sentir uma pressão que lhe empurra as mãos para fora, de tal sorte que você se vê obrigado a usar um pouquinho mais de força para juntar as mãos outra vez. Você agora tocou as bordas de um dos seus corpos de energia. Se suas mãos estiverem separadas por uma distância de 25 a 30 cm, você terá juntado as bordas do seu corpo etérico (primeira camada da aura). Se suas mãos estiverem separadas por uma distância de 75 a 100 cm, você terá juntado as bordas do seu corpo emocional (segunda camada da aura). Agora, movimente com muito cuidado as mãos, aproximando-as uma da outra até sentir realmente a borda externa do corpo emocional ou até sentir o campo de energia da mão direita tocar a pele da mão esquerda. Mova a palma direita cerca de 25 cm mais perto da palma esquerda. Sinta o formigar do dorso da mão esquerda no momento em que toca a borda do seu campo de energia. O campo de energia da mão direita atravessou, pura e simplesmente, a mão esquerda!
Agora, afaste as mãos uma da outra e mantenha-as separadas por uma distância aproximada de 175 cm. Aponte o dedo indicador direito para a palma da mão esquerda, certificando-se de que a ponta do dedo está cerca de 13 a 25 cm de distância da palma. Agora, desenhe círculos na palma da mão. O que sente? Cócegas? O que é isso?
Com a luz indistinta na sala, faça as pontas dos dedos de suas mãos apontarem umas para as outras. Coloque as mãos defronte do rosto a uma distância aproximada de 60 cm. Certifique-se de que há no fundo uma parede branca e lisa. Relaxe os olhos e fite-os suavemente no espaço entre as pontas dos dedos, que deverão estar separadas umas das outras por 40 cm de distância. Não olhe para a luz brilhante. Deixe os olhos se relaxarem. O que vê? Aproxime as pontas dos dedos umas das outras e depois afaste-as ainda mais. O que está acontecendo no espaço entre os dedos? O que é que você vê ao redor da mão? devagarzinho, mova uma das mãos para cima e a outra para baixo, de sorte que dedos diferentes apontem uns para os outros, O que está acontecendo agora?
Perto de 95% das pessoas que experimentam fazer este exercício vêem alguma coisa. Todas sentem alguma coisa. 
Depois que tiver praticado esses exercícios que trata da observação das auras de outras pessoas, você começará a ver as primeiras camadas da aura como elas aparecem na figura abaixo. Mais tarde, quando estiver acostumado a distinguir as camadas inferiores, poderá praticar os exercícios de percepção sensorial mais elevada. Com o aumento da abertura do seu terceiro olho (o sexto chakra), você começará a ver os níveis mais elevados da aura. 

Veja também no site Mestres Ascensos: Doenças ligadas ao desequilíbrio dos Chakras

Respostas às Perguntas nos Exercícios para Ver a Aura Humana
A energia quase sempre se move da esquerda para a direita ao redor do círculo. muito desagradável detê-la e, de ordinário, é impossível deter o fluxo todo.
A sensação de estar construindo alguma coisa com as maços é uma sensação pruriginosa com pressão, algo semelhante à eletricidade estática. Quando as bordas do corpo de energia se tocam, a sensação é de formigamento e pressão. Quando a borda do corpo de energia toca a pele, provoca uma sensação de prurido e pressão sobre a superfície da pele. Quando você desenha círculos na palma da mão, sente os
contornos prurientes do círculo.
A maioria das pessoas vê uma névoa ao redor dos dedos e das mãos quando tenta sentir a aura. Isso se parece um pouco com a onda de calor sobre um radiador. É vista, às vezes, em várias cores, como um toque de azul, por exemplo. De um modo geral, porém, a maioria das pessoas a vê, a principio, como incolor. Os corpos de energia puxam como balas puxa-puxa entre os dedos, à medida que a névoa de
cada ponta entra em conexão com a névoa do dedo correspondente da outra mão.
Quando você movimenta os dedos de modo que eles se desemparelhem, a névoa seguirá, de início, o primeiro dedo e, depois, saltará para a ponta do dedo mais próximo.
No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: