Skip to content

O Canto da Terra

August 21, 2011

Nota MM: Tivemos algumas oportunidades através das telepatias cósmicas, e com muita antecedência, de sermos avisados que a Terra iria “cantar” em diversos locais do planeta acusando as suas “mudanças”. Eis abaixo apenas alguns exemplos:

(vídeo enviado por Patrícia)
via: http://minhamestria.blogspot.com/


PS. Segue alguns trechos de canalizações do Site Autres Dimensions que abordou sobre o Canto da Terra:

A única escuta do Coração, no Coração, traduzir-se-ia, antes, pelo ouvir o canto da Alma e o canto do Espírito, ou ainda o canto do Céu e o canto da Terra, não há outra frequência.

NO EYES – 29 de abril de 2011

A Terra canta, ela vai cantar em lugares cada vez mais importantes sobre esta Terra, até o momento em que o Canto da Terra tornar-se-á global no conjunto da Terra, o que corresponderá ao Canto do Céu que não é outro senão o Canto do Sol transformando-se em super-gigante vermelho antes de reencontrar sua dimensão de Sol Azul.

ANNA – Mãe biológica de Maria – 28 de abril de 2011

O canto da Terra (também nomeado o grito da Fênix por No Eyes) vai logo retumbar.

Ele retumba já em vocês, pela modificação intensa dos sons existentes ao nível do Antakarana ou canal de Luz que os une à alma e ao Espírito. 
A ativação dessas Cruzes Mutáveis e dos eixos vai se traduzir, se já não é o caso, numa majoração extremamente importante do que é chamado o Nada ou Canto da Alma, ou Canto do Espírito, ou Canto do Antakarana, traduzindo-se pela percepção de um Som amplificado e magnificado, Som que cada vez mais seres humanos percebem, mesmo independentemente de qualquer Abertura, como lhes foi dito, chamado Canto da Terra ou Canto do Céu. 
UM AMIGO – 8 DE ABRIL
O Som de seu sagrado, o som de sua Eternidade, Coro dos Anjos, Canto da Terra e Canto do Céu, unidos em uma mesma melodia, vindo despertar o Cristal de sua Essência, novo Nascimento, Ressurreição, real.
URIEL – 1º de abril de 2011
Hoje, não cantarei, mas, em breve, eu lhes cantarei o canto da Terra.
Porque a Terra canta. Ela canta verdadeiramente. Assim como o cosmos canta, assim como as diferentes radiações cantam, cada uma, seu canto.
Mas, para ouvir esse canto, é preciso, certamente, estar na escuta.
E estar na escuta no Coração, e, portanto, no silêncio.
SNOW – 29 de junho de 2010
No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: